ESQUETES  TEATRAIS

Papo Responsa: Lideranças Jovens

 

13 ATORES:

 

APRESENTADORA 

4 LIDERANÇAS JOVENS ( GABRIEL, FELIPE, LUISA, HENRIQUE )

8 JOVENS ENTREVISTADORES

 

PLATEIA DO PROGRAMA: 

TODA A TURMA 

 

 

CENA

 

A CENA É UM PROGRAMA DE TELEVISÃO. 5 CADEIRAS NO MEIO DO PALCO EM MEIA LUA. NO MEIO ESTÁ SENTADA A APRESENTADORA, COM DUAS LIDERANÇAS DE CADA LADO. NOS LADOS DO PALCO, TODA A TURMA, COM 4 JOVENS ENTREVISTADORES DE CADA LADO, MISTURADO COM O RESTO DA TURMA. A APRESENTADORA SE LEVANTA E FALA PARA A PLATEIA:

 

 

APRESENTADORA

Boa tarde, pessoal! Hoje o Programa Papo Responsa tem como tema a Liderança Jovem. O que faz um jovem posicionar-se com sucesso frente a questões da sociedade onde vive e atua? Como esses jovens se preparam para gerenciar seu tempo, definir metas e trabalhar em parceria com adultos? E o mais importante, como é o processo criativo, de onde vem as ideias que podem ajudar a transformar o mundo? Com certeza são muitos os desafios! Então para conversar com a gente, convidamos os quatro vencedores do Prêmio Jovem Líder! Obrigada Gabriel, Felipe, Luisa e Henrique por terem aceito nosso convite! Quem quer começar?

 

 

GABRIEL LEVANTA A MÃO E RECEBE UM MICROFONE.

 

 

GABRIEL

Oi gente! Eu sou o Gabriel, mas todo mundo me chama de Gabo. Eu tenho 17 anos, nascido e criado na comunidade da Rocinha no Rio de Janeiro. Bom, meu pai é marceneiro, bom pra caramba, e desde que eu sou criança ele tem um galpãozinho lá na Rocinha. Ele primeiro trabalhava em obras, mas depois começou a trabalhar só fazendo cadeiras, mesas e armários. Eu sempre adorei trabalhar com ele na madeira. Fui crescendo e vi muito amigo meu começar a fumar maconha direto. Neguinho num era criminoso não, só não tinha o que fazer da vida. Galera chegava da escola e ficava tudo  no ócio, na entrada da favela, sem ter o que fazer, tudo com 14, 15 anos. Aí já viu, né? E todo mundo querendo ganhar dinheiro pra ajudar em casa. É por isso que acaba caindo no tráfico,  com 12 anos o tráfico já contrata... Mas enfim, comecei a conversar com meu pai se a gente podia fazer alguma coisa, e eu tive a ideia da gente começar uma oficina de marcenaria para a molecada. Pra fazer saber o que? Brinquedo de madeira, olha que maneiro! Putz, foi o maior sucesso e a gente conseguiu começar a vender os brinquedos ‘pras madame’ clientes do meu pai! Imagina, a molecada aprendendo e ganhando dinheiro. Foi nessa época que conheci o Henrique ali, que deu a maior força e ajudou a levar o projeto para outras comunidades. Qual é Rico, fala aí meu irmão! ( OS DOIS ATORES SE LEVANTAM RÁPIDO E SE COMPRIMENTAM COM UM SOQUINHO NA MÃO). Depois o Rico conta para vcs o resto da história. Tamos aí!

 

 

APLAUSOS  

 

FELIPE

Oi todo mundo, muito maneiro ‘tá’ aqui, eu que agradeço pelo convite! Bom, eu sou o Felipe, tô com 16 anos e com 14 eu fui campeão brasileiro de body board. Meu pai sempre foi surfista, do mar, maior vida saudável, e acho que aprendi a pegar onda antes de aprender a andar! Bom, nessa de ficar viajando para os campeonatos, de conhecer muito patrocinador e ter a imprensa sempre por perto, comecei a me amarrar na ideia de participar de projetos de preservação do meio ambiente, de limpeza e proteção de mares e rios. Aí me juntei com duas organizações grandes que trabalham com isso e virei meio porta voz dos projetos. Eu participo das reuniões, dou ideias, e participo das ações. E o que eu mais gosto é divulgar tudo na mídia. Acho importante todo mundo se conscientizar do que pode fazer no seu dia a dia para preservar o meio ambiente. É isso, obrigada! 

 

 

APLAUSOS 

 

LUISA

Boa tarde, eu sou a Luisa! Eu estou com 17 anos, e quando eu tinha 11 nasceu minha irmã, com síndrome de down. Comecei a viver a batalha com meus pais, de levar a   Anoca para fisioterapeuta, fonoaudiólogo, equoterapia....  Mas todo o dia ela melhorava alguma coisa e eu nunca vi uma criança mais carinhosa na minha vida! Caramba, a gente tem tanto orgulho dela!! Só que vivendo nesse meio eu comecei a conhecer pais que realmente sentiam vergonha dos seus filhos especiais, e aquilo acabava comigo! Pô, minha irmã é a coisa mais importante da minha vida!! Então comecei a participar de campanhas para mostrar como é legal ser especial, e criei um projeto que tem vários voluntários em todo o país para trabalhar com terapias alternativas junto as APAE. Gente, se o mundo fosse só de crianças com down, não haveria guerras! Eles são tão do bem! Eles são realmente especiais!! Obrigada!

 

 

APLAUSOS

 

HENRIQUE

Boa tarde a todos, meu nome é Henrique, é um prazer  estar aqui. Meu pai é empresário, e quando eu tinha 14 anos ele começou a me falar muito sobre empreendedorismo. A gente conversava muito. Eu resolvi que queria desenvolver um plano de negócios junto a algum projeto social em alguma favela. A Rocinha é perto da minha casa, então a gente foi lá, e conheceu o Edu, líder comunitário. O Edu apresentou a gente para o Gabo e o pai dele, seu Ismael. Quando o Gabo me contou sobre a ideia dele, parece que acendeu uma luz na minha cabeça. Eu nunca quis tanto conseguir dinheiro para uma coisa como para ajudar no projeto da “ Fábrica de Brinquedos”. Aí eu inventei o Dia Do Trabalho Social na minha escola. Funcionava assim: todo aluno tinha que trabalhar em alguma coisa no  Dia do Trabalho: levar cachorro do vizinho para passear, fazer o jardim, faxinar a casa, qualquer coisa. O dinheiro do trabalho do dia seria então doado para o projeto social. Deu super certo!! Hoje a gente já levou essa iniciativa para várias escolas, e a Fábrica de Brinquedos já está funcionando em 5 comunidades! É muito bacana mesmo! Obrigado.

 

 

APLAUSOS

 

APRESENTADORA

Essas histórias são fantásticas! E é muito interessante ver como a vida familiar e os pais de vocês influenciaram muito em todas as iniciativas. Nossa, parabéns a todos! Agora vamos começar com as perguntas? A ideia é que cada pergunta seja respondida pelos 4, pode ser? Então vamos lá!

 

 

JOVEM 1               Para vocês, o que é  Liderança?

 

 

GABRIEL

É querer fazer a diferença! Sonhar com a mudança, e estar disposto a  trabalhar 110 por cento no que você quer. Sabe, se envolver de verdade, se comprometer com o que você quer.

 

 

FELIPE

Falou tudo , Gabo! E também é aprender a pensar não só nos problemas, mas nas soluções. E um líder precisa ser uma pessoa ativa, entusiasta, com boas habilidades de comunicação. 

 

 

LUISA

Gente, e é preciso ter uma mente aberta, pensar fora dos padrões convencionais. Sei lá, ser líder tem essa coisa de querer defender o outro, estar lá quando alguém precisa de ajuda . Agora para isso a gente precisa conhecer a nós mesmos muito bem, e desenvolver muita nossa autoconfiança. Não dá para ajudar ninguém se a gente não sabe se ajudar...

 

 

HENRIQUE

Olha, eu acho que um líder precisa se manter fiel aos seus valores e princípios. E precisa saber quando ouvir, e saber quando falar. Para as coisas funcionarem de verdade, é fundamental saber trabalhar bem em equipe, e ter uma boa rede de relacionamentos. Só assim a gente consegue mobilizar muitas pessoas em torno de um objetivo comum.

 

 

JOVEM 2

Como a gente pode desenvolver habilidades de liderança?

 

 

GABRIEL

Você primeiro tem que ACREDITAR. Acreditar que você pode realizar qualquer coisa que queira muito. Aí precisa planejar tudo direitinho, definir  metas para realizar o que você quer. 

 

 

FELIPE

Concordo total. Tem que assumir a responsabilidade, e tomar as medidas necessárias para atingir seus objetivos. E uma coisa muito importante é não deixar outras pessoas definirem o que você pode ou não pode fazer. Quem tem que decidir isso é você!

 

 

LUISA

Sendo você mesmo!  Amando você do jeito que você é, aceitando seus pontos fortes, seus pontos fracos, e tentando melhorar sempre! E respeitando os outros do jeito que eles são. 

 

 

HENRIQUE

Acho muito importante aprender as melhores formas possíveis de como trabalhar em equipe. 

 

 

JOVEM 3

Como vocês acham que os adultos podem ajudar a promover a liderança jovem?

 

 

GABRIEL

Ouvindo a gente com seriedade, principalmente em relação aos nossos sonhos e objetivos. E acreditar no nosso potencial, e nos apoiar e orientar,  especialmente nos desafios.

 

 

FELIPE

Cara, acho muito importante que nossos pais nos ensinem desde cedo algumas habilidades que ajudem a gente a ficar mais independente e responsável. Como cozinhar, lavar roupa, organizar o dia a dia da casa, e gerenciar o uso de dinheiro.

 

 

LUISA

Eu gosto quando meus pais me dão uma opinião sincera sobre o que estou fazendo. O que está funcionando, o que não está funcionando. A crítica construtiva pode encorajar. 

 

 

HENRIQUE

Acho que os adultos podem nos ajudar a identificar nossos pontos fortes, nosso potencial, o que a gente gosta, desde cedo. Fortalecer os dons que aparecem nas crianças pode ajudar muito na escolha futura de uma carreira. 

 

 

JOVEM 4

Como vocês acham que as escolas podem ajudar a promover a liderança jovem?

 

 

GABRIEL

Acho que promovendo atividades que ajudem os jovens a desenvolver criatividade, trabalho em equipe, habilidades sociais em geral.  

 

 

FELIPE

Maneiro! E de repente dar aos jovens  oportunidades de liderar essas atividades em sala de aula.

 

 

LUISA

Ensinar habilidades que serão úteis na faculdade e na vida profissional, como concentração e atenção, gestão do tempo e competências organizacionais.

 

 

HENRIQUE

Conectar os jovens com mentores. Promover palestras de profissionais que se destacam em alguma área, para dar ideias e inspirar os jovens.

 

 

JOVEM 5

Qual é um desafio para vocês como liderança?

 

 

GABRIEL

Eu não sou uma pessoa que gosta muito de falar em público. Ontem eu tava nervosão para essa entrevista. Mas a gente é convidado para tanta coisa, palestras, encontros. Então eu tenho tentado desenvolver a habilidade para falar em público.  Mas eu fico fora da minha zona de conforto... Bom,  mas se a gente não encara e sai da nossa zona de conforto, nunca vamos ser capazes de atingir o nosso verdadeiro potencial. 

 

 

FELIPE

Meu maior desafio é manter o foco. Eu sou agitado por natureza e quero fazer 30 coisas ao mesmo tempo. Mas se você quer ter sucesso, o foco e a concentração são fatores muito importantes. Hoje em dia eu fico bem atento para não perder o foco.

 

 

LUISA

Para mim é complicado lidar com pessoas difíceis, polêmicas, que focam mais em problemas do que em soluções.

 

 

HENRIQUE

Eu preciso ter metas e planejamento muito claros, muito bem definidos. Senão não consigo fazer nada! 

 

 

JOVEM 6

O que a gente ganha, desenvolvendo habilidades de liderança?

 

 

GABRIEL

Você ganha muita autoconfiança, e aprende melhor a se comunicar.

 

 

FELIPE

Ganha responsabilidade e habilidades de negociação.

 

 

LUISA

Nossa, parece que vcs já falaram tudo! Deixa eu pensar... Você ganha habilidades de networking, e ganha habilidades de gerenciamento também.

 

 

HENRIQUE

Acho que só faltou falar que a gente aprende a solucionar problemas com mais agilidade, e a nossa criatividade fica mais natural. E ganhamos reconhecimento, o que é muito bacana para a autoestima!

 

 

JOVEM 7

Como encorajar o pensamento criativo?

 

 

GABRIEL

Evitando o pensamento padrão. Ou seja, você não pode ter medo de  se desligar do pensamento convencional. O lance é apresentar todas as ideias que passam pela cabeça, mesmo as que parecem malucas ou idiotas. 

 

 

FELIPE

Tentar fazer novas conexões o tempo todo. As vezes você junta duas ideias totalmente desconectadas e daí surge algo inovador.

 

 

LUISA

Sempre aumentar o seu conhecimento sobre as coisas que te interessam. Pesquisar, estudar, jogar novas informações para a mente.

 

 

HENRIQUE

Acho que estimular o pensamento positivo, e tentar ao máximo minimizar o pessimismo. Se você é totalmente crítico em relação a tudo, é difícil que a criatividade tenha espaço para se manifestar.

 

 

JOVEM 8

Vocês podem falar sobre  um líder que teve muita influência sobre vocês?

 

 

GABRIEL

Gandhi! Sou vidrado no Gandhi. Ele consegui ser um líder espiritual e político ao mesmo tempo, e isso é um tremendo desafio! A estratégia que ele pregava, da não-violência ativa, é muito interessante. Ele conduziu várias campanhas na India para aliviar a pobreza, ampliar os direitos das mulheres, e construir uma harmonia religiosa e étnica.Gandhi é funda mental !

 

 

FELIPE

Me amarro muito no Mandela! Foi um cara que lutou de verdade contra o racismo, pela liberdade do povo dele, pela democracia de direito. A história dele é muito louca! Ele nasceu filho de um chefe da realeza tribal,  e se formou advogado. Por causa da luta contra o apartheid ficou preso por  27 anos! Depois de solto foi eleito  presidente na primeira eleição democrática da Africa do Sul, e ganhou um Prêmio Nobel da Paz. Acho ele um líder impressionante!

 

 

LUISA

Adoro a Rosa Parks! Ela era uma costureira negra, americana. Na década de 50, no auge da segregação racial americana - vcs sabem, aquela coisa que todo os lugares públicos tinham separação para negros e brancos - Rosa Parks recusou a ceder seu assento no ônibus a um homem branco. Ela foi muito corajosa! Essa atitude acabou influenciando muito a história dos direitos civis. Acho ela incrível!

 

 

HENRIQUE

Acho que Churchill foi um gênio na luta contra o nazismo. A atuação dele como Primeiro-Ministro da Inglaterra durante a II Guerra Mundial foi incrível! Os discursos dele são extraordinários! E ele também ganhou um Prêmio Nobel, de Literatura, pelas suas memórias da guerra.

 

 

APLAUSOS 

 

 

APRESENTADORA

Genial gente! Muito obrigada pela participação de todos! Vocês são exemplos de iniciativa jovem! Com certeza vocês hoje inspiraram muitos outros jovens que sonham em mudar o mundo. Muito obrigada a todos, e até o próximo “ PAPO RESPONSA”!! Boa tarde!

 

 

APLAUSOS